Polícia

Motorista de aplicativo é morto a tiros em São Gotardo; suspeito foi preso pela polícia.

Um homem, de 43 anos, motorista de aplicativo, foi assassinado na noite desse domingo (24) na rua Coronel Fonte Boa, no Centro de São Gotardo/MG. O suspeito, de acordo com a Polícia Militar (PM), foi preso.

Segundo apurado, teoricamente o motorista de aplicativo teria feito a corrida da ex-mulher do suspeito e que, ao estacionar o veículo, foi surpreendido e agredido.

A vítima tentou se defender sacando uma arma que foi tomada pelo agresssor e usada contra ele. 
A vítima ainda arrancou com o carro, mas bateu numa árvore.
Ele tinha ferimentos na cabeça e no peito.

Ainda conforme levantamentos da reportagem, um homem que estava próximo ao local, interveio, atingiu o autor com um pedaço de madeira e ajudou a mulher a correr. Mas foi atingido por um disparo no braço esquerdo.

A vítima fatal foi identificada como Wedson Ferreira de Jesus, natural de Cachoeira do Manteiga/MG, região Norte do estado. O corpo foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Patos de Minas/MG.

A PM informou que o suspeito foi preso na manhã desta segunda-feira (25) dormindo em uma casa de propriedade de seus familiares. Ele apresentava ferimentos em uma das mãos e numa coxa causados por disparo de arma de fogo.

O homem relatou à PM que esperava sua ex-mulher chegar em casa e, que ao vê-la dentro do carro, imaginou que os dois teriam envolvimento amoroso. Por isso perdeu a cabeça e começou a discutir. Em sua versão, ele disse que o motorista do carro teria pegado uma arma de fogo e feito disparos contra ele, mas que conseguiu tomar a arma dele e, em seguida, atirar contra o condutor do carro de aplicativo. 

Da Redação: Thiago Borges
Fonte: TVKZ
Foto: TVKZ

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo