Polícia

26 criminosos do ‘novo cangaço’ que planejavam assaltos morrem em confronto com a Polícia.

A Polícia Militar e a Polícia Rodoviaria Federal (PRF) realizaram uma operação conjunta e desmantelaram uma quadrilha de assalto a bancos de alta periculosidade, conhecida como “novo cangaço”, em Varginha, no Sul de Minas Gerais, neste domingo (31). Vinte e cinco criminosos morreram em confronto com as polícias durante a operação, e vários ficaram feridos. 

O confronto ocorreu em duas chácaras da cidade. Na primeira, 18 criminosos, foram mortos quando atacaram os policiais. Na segunda chácara, foram oito mortos. 
O grupo estava armado com um arsenal de guerra, explosivos e coletes a prova de balas.
 
O novo cangaço” é um grupo especializado em assalto a bancos que usa armamento com potencial de guerra e provoca terror em cidades do interior de Minas Gerais com tiroteios e confrontos com a Polícia Militar. 

Fotos: Redes Sociais

Os assaltos acontecem geralmente no Sul de Minas Gerais. 
Os principais “cabeças” desses crimes são de São Paulo e alguns tem ligação com o Primeiro Comando da Capital (PCC). O Estado mineiro é rota dessas quadrilhas que agem principalmente no Sul de Minas e também no Triângulo Mineiro que fazem limites com o estado paulista. 
Nos últimos quatro anos, esse tipo de crime caiu 92% em Minas, segundo a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais (Sejusp-MG). Os números mostram que, de janeiro a junho deste ano, aconteceram quatro ataques a bancos com explosivos. No mesmo período de 2016, houve 157. E, naquele ano todo, foram 252.Em 2018 foi criada uma Delegacia Especializada em Investigação e Repressão ao Roubo a Banco.

Da redação: Thiago Borges
Fonte: PRF e PMMG

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo